Sucesso!

Recebemos seu E-mail! Aguarde nosso retorno.  

Erro

Preencha o formulário corretamente!
Conheça as vantagens do Miniload, estrutura de armazenagem automática para caixas dentro dos armazéns.
Falhas na gestão de estoque são uma das principais causas de perdas no faturamento do comércio varejista. Os prejuízos chegam à casa dos R$ 7 bilhões anuais no setor, segundo a  Associação Brasileira de Supermercados (Abras), e reforçam a necessidade de ter bons sistemas no armazém.
 
A Abras também conduziu uma pesquisa sobre as intenções de evitar tais perdas. Cerca de 60% dos entrevistados afirmaram que investem ou pretendem investir em recursos para reverter o quadro. Entre eles, o miniload.
 
A seguir, confira mais informações sobre esse sistema de armazenamento e quais são as vantagens que ele vai trazer para a sua empresa. 
 

Conheça o Miniload

O miniload é um sistema de movimentação e armazenagem automática utilizado para caixas plásticas ou de papelão. Ele permite alta densidade e total seletividade, sendo eficientes em operações integradas a atividades de manuseio e separação de pedidos. 
 
O sistema é composto por um ou mais corredores, por onde circulam os transelevadores, além de estantes situadas em ambos os lados. Também há um espaço para a área de preparação de pedidos, que é constituída por transportadores.
 
Quando um pedido chega através do sistema WMS, o mesmo é comunicado ao miniload. Nessa hora, os transelevadores se movimentam em busca dos produtos demandados, que logo são retirados das estantes. Tudo isso é registrado graças a radiofrequência, que faz a varredura do código de barras do produto ou lote.
 

Miniload e o tempo de entrega

Aqui, é importante ressaltar o momento atual em que vivemos. O crescimento acelerado do e-commerce em 2020 e 2021 desencadeou diversas mudanças de hábitos no consumo que trazem impactos diretos na logística. O estudo Market Review: Tendências do E-commerce para 2022 mostra que esse é apenas o começo, pois ao menos 49% dos brasileiros pretendem comprar mais pela internet no ano que vem. 
 
Logo, é crucial oferecer excelência nessa etapa do processo. Em especial porque o atraso nas entregas ainda é o principal problema enfrentado por consumidores do comércio eletrônico. Usar o miniload e outros sistemas de armazenagem para evitar demora é um movimento necessário para reter os consumidores e melhorar o lead time
 

Vantagens do Miniload

Além de ajudar na redução do tempo de entrega, o miniload oferece diversos benefícios. Confira algum deles:
 

Integração do armazém 

Uma das principais vantagens desse sistema é que ele permite a integração entre etapas cruciais do processo logística. Entre elas, as estantes, os transelevadores e o sistema WMS. 
 
Como vimos no tópico anterior, os clientes estão cada vez mais exigentes com suas entregas — e isso vale tanto para o público B2C quanto B2B. Dessa forma, investir em recursos tecnológicos e instalações que visam a integração do espaço é essencial para ter mais eficiência logística. 
 

Picking intensivo

O picking faz parte do processo de armazenagem: é o início dos preparativos que vão levar os pedidos aos clientes. O miniload é uma instalação muito indicada nesse processo, que envolve questões como:
 
● Mercadorias a serem separadas;
● Estado de conservação das mercadorias;
● Situações que exijam separações específicas de mercadorias.
 
Com a integração, o operador não precisa se movimentar. É uma solução Goods to Person (G2P), já que o sistema leva os pedidos até ele para aumentar a produtividade e reduzir custos. Isso também diminuiu os acidentes, já que o colaborador não precisa andar no meio das caixas.
 
Por outro lado, há melhor aproveitamento da área disponível. O miniload tem alta capacidade de armazenamento tanto em comprimento quanto em altura, podendo multiplicar em até 10 vezes o potencial de armazenamento em depósitos convencionais.
 
Case de Sucesso: Armazém Automatizado FAB
Para atestar a eficácia do miniload, trouxemos esse case de sucesso da Cassioli Brasil com apoio da Bertolini. As empresas se juntaram na construção de um armazém automatizado para a Força Aérea Brasileira (FAB).
 
O espaço vai ajudar na distribuição e armazenagem dos uniformes vendidos aos oficiais da corporação. Em uma área de 7 mil metros cúbicos, foi montado um transelevador que realiza a movimentação das caixas onde ficam estocados os produtos. 
 
Também foram instaladas esteiras automatizadas para conduzir as unidades de armazenamento até os operadores e túneis de leitura de etiquetas de radiofrequência. Essa tecnologia utiliza ondas eletromagnéticas para a checagem eletrônica da quantidade e tipo de material antes de armazenar em uma das 5 mil caixas acomodadas na estrutura.
 
O órgão investiu R$ 2,3 milhões para diminuir o tempo de espera para a reposição dos uniformes destinados à venda. E o objetivo foi alcançado: esse prazo caiu de quatro meses para apenas 15 dias nas operações com os uniformes dos oficiais na instalação militar paulista.
 
Com essas informações, esperamos que você entenda a importância do miniload dentro do seu armazém. Em um só sistema, você integra as estantes, o transelevador, os transportadores e o software de gerenciamento de armazém. Perfeito para ter uma visão geral da produção e melhorar os processos internos. 
 
Você também pode gostar de:
 
Gostou do nosso conteúdo?
Se você achou este conteúdo útil, continue navegando pelo blog da Bertolini e conheça muito mais sobre sistemas de armazenagem e processos logísticos que vão ajudar a sua empresa.
voltar