Sucesso!

Recebemos seu E-mail! Aguarde nosso retorno.  

Erro

Preencha o formulário corretamente!
Esse método tem como principal característica a redução de processos manuais, a verticalização do armazém e a incorporação de tecnologia à rotina do setor.
Armazéns automatizados já são uma realidade e uma forte tendência para os próximos anos, especialmente em médios e grandes armazéns.
 
Apesar de ser uma tendência no mercado logístico, é algo relativamente novo. Por isso, é comum surgirem dúvidas sobre como integrar os diferentes sistemas. Nesse sentido, para que a lógica das operações se desenvolva com fluidez, o assunto precisa ser desmitificado. 
 
Por isso, neste texto vamos abordar as principais características que definem a armazenagem automática e sobre como funciona um armazém automatizado. Confira!
 
O armazém automatizado
Dentro de armazéns assim, existem sistemas de armazenagens automáticas, eles se baseiam na implementação de soluções e no uso de produtos e sistemas de gestão para organizar e gerenciar a movimentação e armazenagem das mercadorias (Sku’s). 
 
Também conhecido como armazenamento automatizado ou sistema de recuperação, esse método tem como principal característica a redução de processos manuais, a verticalização do armazém e a incorporação de tecnologia à rotina do setor. Seu principal objetivo é otimizar recursos e o tempo dos colaboradores envolvidos.
 
A partir deste método, todo o processo de entrada e saída de cargas é gerenciado através de softwares. Para que tudo isso ocorra de forma correta, é preciso contar com sistemas específicos para armazenagem de paletes, seja para cargas médias, grandes, leves ou pesadas.
 
É importante observar que, dependendo das necessidades da empresa, diferentes tipos de produtos podem ser utilizados, como:
 
- Transelevadores,
- Carro Satélite,
- Esteiras automatizadas;
- Pick by light.
 
Sabemos que a armazenagem é uma etapa complexa e custosa, e a automatização é uma opção muito inteligente. Apostar em tecnologias é sempre uma maneira estratégica de reduzir custos e ampliar os resultados de setores diversos dentro da empresa.
 
Em geral, toda a eficiência obtida por meio da automação gera economia e redução de desperdícios em diversos aspectos, como alguns mencionados abaixo:
 
- Custo operacional; 
- Manutenção dos equipamentos;
- Redução dos processos manuais diminui a dependência de mão de obra direta;
- Otimização do espaço disponível;
- Redução dos índices de acidentes.
 
Com a automatização do seu armazém, você irá obter vantagens expressivas. Porém, este processo exige planejamento e bons parceiros para ser concluído com sucesso. 
 
Agora, quando tal planejamento não é realizado, bem como a escolha de parceiros não for a melhor, é possível enfrentar alguns desafios e problemas relacionados à manutenção de estruturas e equipamentos e falhas diversas, entre outros.
 
Estar sempre atenta (o) é essencial. Afinal, se você busca por otimização de processos, saiba que é preciso encontrar pessoal adequado para isso!
 
Conheça a Bertolini Sistemas de Armazenagem e tenha a certeza de estar aliando-se à empresa certa.
Gostou do nosso conteúdo?
Se você achou este conteúdo útil, continue navegando pelo blog da Bertolini e conheça muito mais sobre sistemas de armazenagem e processos logísticos que vão ajudar a sua empresa.
voltar