Sucesso!

Recebemos seu E-mail! Aguarde nosso retorno.  

Erro

Preencha o formulário corretamente!
Na hora de fechar negócio com fornecedores, muitos gestores ficam só no acordo verbal — até o momento que algo fora do previsto acontece e nenhuma das partes sabe como agir.
Isso acontece porque, durante muito tempo, os negócios deram pouca atenção para a gestão de contrato corporativo. 
 
Isso é um grande problema, pois não existe negócio isento de riscos. Ainda que isso seja um fato, é possível minimizar o risco de perdas ao mesmo tempo em que se potencializa as possibilidades de ganho. 
 
E é neste cenário que vemos na prática as vantagens de ter um contrato corporativo. Ter um respaldo jurídico é de extrema necessidade, pois protege ambos os negócios — tanto o seu, quanto o do seu fornecedor. Um contrato bem elaborado delimita o objeto negociado e as melhores condições da avença, além de garantir que esteja de acordo com a legislação, blindado contra nulidades. 
 
Ou seja: ter um contrato corporativo com os seus fornecedores permite um trabalho preventivo muito mais eficaz. 
 
No texto a seguir, vamos nos aprofundar neste assunto. Você vai entender o que é contrato corporativo e quais são as vantagens que ele pode trazer para o seu negócio. 
 
O que é contrato corporativo?
De acordo com Associação Internacional de Gerenciamento Comercial e de Contratos (IACCM), os empreendedores perdem cerca de 9,2% da receita todos os anos por causa do mal gerenciamento de contratos, falta de supervisão e falta de visibilidade.
 
Com isso em mente, é fácil entender porquê ter um contrato corporativo é tão necessário nos dias de hoje. Os empresários de todos os setores já entenderam que escolher um bom fornecedor não basta: estabelecer mecanismos de controle é essencial para executar de forma completa os contratos vinculados a eles.
 
Em linhas gerais, contrato corporativo é um instrumento que regula uma relação comercial, estabelecendo as regras de uma determinada negociação. Esse documento garante que a sua empresa receberá exatamente o produto ou serviço contratado — para isso, é preciso especificar tudo. 
 
Por exemplo, no caso de produtos, deixe claro quais são as marcas, modelos, tamanhos e quantidade. Se for um serviço, periodicidade, tipo de trabalho e o número de colaboradores são informações obrigatórias. 
 
Quais são as vantagens de ter um contrato corporativo com seus fornecedores?
Sem dúvidas, o principal benefício de ter um contrato corporativo é a minimização de danos contenciosos. Afinal, as despesas com processos costumam ser altas, mesmo em caso de vitória. Uma situação dessas poderia ser facilmente evitada com um contrato corporativo bem elaborado.
 
No entanto, é importante reforçar que nenhuma atividade empresarial é sujeita a riscos. Ainda que o trabalho preventivo não impeça as adversidades, ele ajuda a antever possíveis crises e elaborar de antemão quais são as melhores saídas para a empresa. Por isso, consulte seu setor jurídico para saber quais são as alternativas cabíveis dentro do contrato corporativo. 
 
Esperamos que você tenha gostado desse conteúdo! Fique ligado no blog da Bertolini Sistemas de Armazenagem para ver outros artigos e materiais que vão te ajudar a potencializar seus resultados.
Gostou do nosso conteúdo?
Se você achou este conteúdo útil, continue navegando pelo blog da Bertolini e conheça muito mais sobre sistemas de armazenagem e processos logísticos que vão ajudar a sua empresa.
voltar