Sucesso!

Recebemos seu E-mail! Aguarde nosso retorno.  

Erro

Preencha o formulário corretamente!
Não tem como fugir: a tecnologia na logística é uma tendência que chegou para ficar. Como estruturar sua empresa para esta nova realidade
A pandemia da COVID-19 provocou fortes mudanças no comércio digital.
 
De acordo com um estudo da Federação do Comércio do Estado de São Paulo (Fecomércio-SP), em apenas seis meses de pandemia, a participação do comércio eletrônico no varejo cresceu o equivalente a seis anos anteriores. 
 
O novo comportamento do consumidor obrigou as empresas a olharem para seus processos e refletirem: como usar a tecnologia na logística para atender essa crescente demanda? Além das tendências em automação pós-pandemia, é preciso integrar processos para exponenciar os pedidos atendidos. 
 
Tecnologia na logística e sua relação com o comércio digital
O comércio eletrônico, também conhecido como e-commerce, ganhou destaque nos últimos anos. Ao mesmo tempo que cresce a demanda pelo varejo online, muitos usuários não confiam nos processos de entrega ou troca dos produtos adquiridos. 
 
Neste cenário, fica evidente a importância da logística no e-commerce. Um controle minucioso das atividades e a junção da tecnologia fez com que essa área se tornasse vital para o funcionamento empresarial. 
 
Afinal, o cliente é diretamente impactado pelos fatores logísticos. Desde quando a produção é finalizada até o momento no qual o consumidor tem acesso ao produto final, as mercadorias são responsabilidade deste setor. Utilizar conceitos de tecnologia na logística é uma forma de garantir que os processos mantenham sua qualidade do início ao fim.
 
Assim, o gestor garante: 
- Redução de custos; 
- Aumento na agilidade das operações;
- Centralização e confiabilidade das informações;
- Melhor relacionamento com os clientes e com os fornecedores;
- Visão integrada dos sistemas.
 
De modo geral, entendemos que a adoção da tecnologia na logística oferece grande diferencial competitivo para as empresas. Engana-se quem pensa que isso é um "custo" — pelo contrário, é um investimento que se paga a médio prazo. 
 
Afinal, melhor gestão e controle da cadeia logística permite reduzir custos e aumentar a produção. A seguir, vamos descobrir como fazer isso na prática.
 
Como aplicar a logística no e-commerce
Existem algumas tecnologias que já estão inovando na área da logística: 
 
Warehouse Management System (WMS)
Esse costuma ser o primeiro passo da adoção de tecnologia na logística. O WMS é um software de gestão de armazém, cujo objetivo é gerenciar o espaço, estoque e equipamentos. Além disso, ajuda na localização de produtos e facilita a produção de relatórios. 
 
Enterprise Resource Planning (ERP)
Já o ERP possibilita uma visão ampla e integrada de todos os processos. Logo, é essencial na logística do e-commerce pois oferece diversos indicadores em tempo real. Isso contribui para a comunicação interna e rápidas tomadas de decisão. 
 
Transportation Management System (TMS)
Os transportes exercem grande impacto no comércio digital, então merecem atenção. O TMS ajuda os gestores a controlar e gerenciar informações inerentes à manutenção, suprimentos, fretes, tráfego, faturamento, custo, planejamento, entre outras funcionalidades. 
 
Investir em tecnologia na logística é o primeiro passo para acelerar a transformação digital da sua empresa. Este é um grande desafio, pois os negócios que não fizerem essa mudança ficarão obsoletos. 
 
A Bertolini Sistemas de Armazenagem fez um artigo explicando como levar o seu negócio para esta nova fase do e-commerce e implementar um canal de vendas online eficaz. Clique aqui para ler!
 
Gostou do nosso conteúdo?
Se você achou este conteúdo útil, continue navegando pelo blog da Bertolini e conheça muito mais sobre sistemas de armazenagem e processos logísticos que vão ajudar a sua empresa.
voltar